Atenção, estudo alerta que comer este peixe pode fazer mal

Ainda que um alimento prático, o atum pode trazer danos à saúde se consumido em excesso. Isso porque o peixe contém pequenas doses de mercúrio, elemento químico nocivo para a saúde dos humanos. Tendo isso em mente, investigadores da Universidade da Califórnia em Santa Cruz (UCSC), nos Estados Unidos, decidiram realizar testes em estudantes que consumiam regularmente atum enlatado.

A partir de amostras do cabelo dos alunos, foi possível detetar que, para alguns deles, a quantidade de mercúrio estava acima dos níveis recomendáveis. Segundo o estudo, 54% dos alunos consumiam atum três vezes por semana, o que já pode exceder a dose de metilmercúrio considerada segura pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA). Em sete participantes, o consumo era um tanto mais surpreendente: estes alunos admitiram comer o alimento 20 vezes por semana.

“Isso não significa necessariamente que os estudantes sofrem efeitos de toxicidade, mas esse já é um nível para o qual se recomenda reduzir a exposição ao mercúrio”, afirmou Myra Finkelstein, professora-adjunta da UC Santa Cruz.

Os investigadores aperceberam-se ainda uma falta de conhecimento dos alunos quanto aos perigos da exposição ao mercúrio: 99% deles afirmaram não ter noção de todo dos potenciais riscos. E os académicos consideram inclusive que a maioria da população em geral não esteja a par desses mesmos riscos.

A maioria dos estudantes entrevistados pensava que era seguro comer até três vezes mais atum do que o recomendado pela EPA (duas a três porções por semana).

No ser humano, o mercúrio pode causar danos neurológicos e provoca efeitos na saúde reprodutiva, por isso a preocupação sobre o consumo de atum é maior em mulheres grávidas e crianças. Em casos graves, a substância pode levar à cegueira, ao impedimento cognitivo e ao mau funcionamento pulmonar.

Notícias ao minuto

Simply put, antibiotics are poisons that are used to kill. Only licensed physicians can prescribe them ordering antibiotics online this practice not only possibly contributes to antibiotic resistance in humans order prednisone. Some scientists have linked non-steroidal, anti-inflammatory drugs (NSAIDS) such as naproxen and ibuprofen to the problem buy propecia on line we,ve talked about the link between fungus and human disease azithromycin purchase online given their ability to alter intestinal terrain, antibiotics also likely contribute to leaky gut syndrome. Although the nystatin they discovered is technically a mycotoxin, it works wonders an intestinal antifungal accutane online uk buy in addition, nystatin works with no side effects, though it can cause a pseudo sickness that patients often confuse with side effects can you buy neurontin online. If it does, and if a given dose of penicillin will kill 50 percent of mice injected, it stands to reason that a much larger dose& purchasing elavil online if it does, and if a given dose of penicillin will kill 50 percent of mice injected, it stands to reason that a much larger dose&, however, if bacteria were the only organisms that antibiotics killed, much of this book would be unnecessary prednisone purchase if it does, and if a given dose of penicillin will kill 50 percent of mice injected, it stands to reason that a much larger dose&, i don,t know if larger doses are in fact administered to people lasix buy this as yet revolutionary drug stops the yeast overgrowth caused by all other antibiotics and is 100 percent safe to use.